A Consultoria de Suzy Auburn

Hoje vamos falar do #antesedepois de uma cliente muito especial! A Suzy Auburn veio a mim com a seguinte questão: “Sou uma profissional excelente na minha área, mas não me sinto respeitada. Queria passar uma imagem mais madura e sofisticada.”

Essa é uma questão comum entre mulheres em torno dos seus 30 e 40 anos.

Foto de Suzy antes da Consultoria

Meu diagnóstico para Suzy foi realizar uma Consultoria de Imagem Completa que inclui:

⁃ Análise Cromática

⁃ Análise do Tipo Fisico e Visagismo;

⁃ Avaliação do Estilo Pessoal;

⁃ Closet cleaning (seleção e descarte dos itens do armário);

⁃ Personal Shopping

⁃ Montagem de Looks

⁃ Aula de Automaquiagem

Suzy estava ansiosa e desejando mudanças em sua vida! Ao obter informações sobre si mesma e aprender como realçar a própria beleza, Suzy se tornou mais confiante e segura!

Hoje vou falar sobre algumas das etapas da Consultoria de Suzy! Vamos lá?

Análise Cromática

Ao realizar a Análise Cromática descobri que Suzy Auburn tem a pele neutra quente e sua cartela de cores é Outono Suave.

Verificamos então que seus cabelos não estavam com a coloração adequada para o seu tipo de pele.

Suzy é ruiva natural, mas tinge seu cabelo com outro tom de ruivo desde os 17 anos quando entrou para a faculdade.

O primeiro passo foi ajustar a cor de seus cabelos! O ruivo de antes tinha um subtom frio. Era uma cor muito fantasia e juvenil para Suzy.

A solução foi deixar o tom desbotar e fazer uma coloração mais próxima do seu natural. O resultado foi um tom mais adequado para o seu momento de vida, tom de pele e objetivo de imagem.

Visagismo

Na Análise Facial, verifiquei que Suzy tem um rosto do tipo Coração. Suzy sempre achou sua testa um pouco larga e usa franja desde adolescente.

Isso faz com que seu rosto se torne mais curto e sua aparência fique infantilizada. A testa simboliza o intelecto. Quando a testa é inteiramente coberta, a imagem que fica é que o intelecto não importa.

Para deixar o visual de Suzy mais maduro e de acordo com o seu formato de face e objetivo de imagem, a sugestão foi deixar a franja crescer e manter o cabelo mais fio reto. O ideal seria que Suzy cortasse um pouco do comprimento dos cabelos. Mas as mudanças já foram muitas e ela quis manter os fios mais longos.

Para cobrir a testa apenas parcialmente a sugestão foi que Suzy usasse seus cabelos de lado. Assim ela se sentiria mais confortável e segura.

Revitalização do Armário

Ao avaliar o armário de Suzy, verifiquei que a maior parte de suas peças eram bem antigas. Peças que ela usava na época da faculdade.

As cores, o estilo e caimento das roupas de Suzy já não tinham a ver com a mulher independente e profissional bem sucedida que se tornara.

Avaliamos item a item, descartando (para doação) o que não fazia mais sentido para Suzy e seu objetivo de imagem.

Personal Shopping

Essa é a etapa que Suzy mais esperava: Renovar o guarda-roupa!

Levei Suzy em lojas que ela não conhecia pois tinha receio de entrar! Ela ficou impressionada como faz diferença comprar itens com cor e modelagem adequadas para o seu tipo físico e coloração.

Automaquiagem

Na aula de automaquiagem Suzy me contou que se maquiava todos os dias, mas não se sentia segura com as cores que usava nem a forma que aplicava.

De fato, a base que ela usava não estava adequada ao seu tom de pele. Para verificar isso basta observar a diferença de tom entre o rosto e o colo. Ela ainda usava batons muito frios e claros o que deixava a maquiagem pouco harmônica.

Suzy aprendeu a fazer dois tipos de maquiagem: uma pro dia a dia e outra para eventos.

Conheceu as cores que mais harmonizam com sua coloração e realçam sua beleza.

Mudanças

Realizar a Consultoria de Imagem de Suzy Auburn foi extremamente satisfatório e ela ficou muito feliz com as mudanças em sua vida. Hoje se sente mais confiante, bonita, poderosa e segura. You Go Girl!

————–

Brincadeiras a parte, esse artigo descreve algumas partes de como é a experiência e as possíveis mudanças para quem realiza a Consultoria de Imagem completa.

Espero que tenham gostado da brincadeira lúdica e qualquer dúvida, não hesite em entrar em contato!

Sobre Cabelos Brancos!

Há dois anos, minha mãe resolveu que iria usar seus cabelos brancos, o mais natural possível.

O primeiro passo foi ficar loira, com o tom mais claro que conseguiu. Conforme a raiz aparecia, ela fazia algumas luzes (nos fios que ainda estavam escuros) e passava totalizantes para igualar o tom.

Essa foto é do dia do meu casamento, em agosto de 2015, em um dos últimos momentos que estava loira.

Eu sempre dei força e sabia que ficaria linda com cabelos brancos também.

De fato, sua pele clara de tom neutro permite usar tanto tons loiros dourados (pérola) quanto tons acinzentados (prata). O processo foi longo e ela quis desistir algumas vezes, mas em algum momento há aproximadamente dois anos atrás seus cabelos ficaram brancos!

Críticas

As críticas foram as primeiras a surgir: “pinta isso”, “tá mais velha”. E, por vezes, as críticas incomodaram. Mas nós a apoiamos, aquilo a deixaria mais feliz (e mais gata impossível). Então, ela se manteve forte, fincou o pé e foi fundo.

Acredito que as pessoas que criticam uma decisão pessoal (e tão certeira) quanto essa são as primeiras a não aceitar o seu próprio envelhecimento. Tudo bem você não querer deixar seus próprios cabelos brancos, mas criticar outras pessoas simplesmente por que você não se vê fazendo é errado e pode magoar! Até por que a forma que se critica faz muita diferença!

Por sorte, com o passar do tempo, os cabelos brancos dela começaram a render muito mais elogios do que críticas, como no dia da foto abaixo, que foi surpreendida por uma pessoa desconhecida num restaurante para falar como estava linda e elegante com os cabelos brancos.

Sim, ela ficou maravilhosa e está adorando seus cabelos brancos, mas o importante é saber que essa foi uma escolha pessoal e que, a qualquer momento, ela pode voltar atrás, se isso for de seu interesse.

Preparação e Cuidados

Ao contrário do que a maioria pensa, os cabelos brancos também precisam de muitos cuidados.

Um corte bem feito e de acordo com o formato do seu rosto é um começo.

A análise cromática ajuda a identificar os tons de branco que mais combinam com o tom da sua pele.

A identificação do seu nível de contraste te ajuda a saber quais as estampas que ficam melhor em você e como a mudança para o cabelo branco pode afetar a escolha da roupa.

Em termos gerais, deixar os cabelos inteiramente brancos, pode aumentar o seu nível de contraste (pessoas negras) ou diminuir (pessoas brancas). Sabendo disso, antes das mudanças, você já aprende as técnicas e artifícios para usar algumas roupas que ficavam boas antes e, hoje, nem tanto.

Além disso, tem a questão de manutenção do tom dos fios. É preciso usar cremes capilares (tipo leave in) com filtro solar, shampoos totalizantes e matizadores específicos.

Quero assumir os brancos, o que fazer?

Se você também pretende deixar seus cabelos brancos, tenho um serviço específico para você que inclui: análise cromática, contraste pessoal, visagismo e tipo físico, avaliação das estampas, teste de cor de maquiagem e consultoria de profissionais e produtos.

Com esses serviços vamos conhecer sua coloração pessoal e traçar uma estratégia para que você realize o sonho de ter um cabelo branco estiloso e saiba usar suas cores em seu favor.

Para mais informações, entre em contato por e-mail (contato@valquiriaelissa.com.br) ou clique aqui, vai ser um prazer te atender.

Elsa do Frozen em Consultoria! (parte 1)

Outro dia eu estava assistindo Frozen com meu filho. Era a primeira vez que ele assistia e a minha segunda vez! De lá para cá já vi mais umas 10 vezes!

Alguns dias antes eu tinha realizado uma análise cromática em uma cliente loira com pele quente, mas que tingia os cabelos de loiro platinado (frio). E naquele momento, enquanto assitia Frozen, recebi no whatsapp uma foto da cliente que havia mudado o tom do seu loiro para um tom quente maravilhoso que a deixava muito mais bonita!

Olhando de volta para o filme, comecei a reparar nas cores de Elsa, a protagonista do filminho.

Comecei a ver as cores, o formato do rosto, o penteado e o vestido. E fiquei encantada com a transformação da personagem de Elsa, a Rainha de Arendelle para a Elsa, a Rainha do Gelo!

Embora tenha sido um exercício ficcional, obviamente, por se tratar de um desenho. As minhas observações durante o filme fizeram muito sentido para o contexto da Consultoria de Imagem e para a vida real!

Quem diria, não é mesmo?

Então, resolvi compartilhar esse exercício com vocês!

Elsa antes da coroação

A Elsa antes da coroação é uma menina de 18 anos que carrega nas costas a responsabilidade de se tornar rainha e um segredo – seu dom de criar neve e gelo.

elsa antes

Todo o peso que ela carrega se reflete na forma que ela se comporta e na sua aparência.

A Elsa de antes, apesar de ter apenas 18 anos, se veste como uma senhorinha, cabelos sempre presos, vestido que cobre todo o corpo e uma capa.

Porém, no momento que ela começa a se libertar desse peso, que todos conhecem seu segredo e ela fala em voz alta (cantando, claro) das suas questões, as coisas começam a mudar…

transformation 1

O penteado antiquado se transforma em cabelos soltos e modernos. O vestido de mangas longas e gola alta sai da jogada e entra um vestido com transparência e leveza.

E a partir dessas mudanças externas, vem as mudanças na atitude. E nasce uma Elsa que se sente bem consigo mesmo, se sente bem sendo quem é!

antes e depois

Uau! Que mudança, Elsa!

Formato do Rosto e Penteado

Essa transformação também favoreceu o formato do rosto da Elsa.

formato do rosto

Elsa tem rosto que reúne dois formatos, o formato “Redondo” e o “Coração” (por causa do bico de viúva – o “v” que vemos no formato do cabelo apenas após a transformação).

É um rosto ligeiramente mais longo que largo. A franja curta, faz com que o formato redondo sobressaia. No entanto uma franja lateral é mais recomendada para esse formato de rosto, pois alonga o rosto na vertical.

formato antes e depois 2

Com o novo penteado, a área do rosto que visualizamos aumenta, passando a ter um rosto mais alongado. Além disso, o próprio penteado, levemente para cima, cria uma ilusão de um rosto mais próximo a um rosto no formato oval (que seria o ideal).

antes - formato de rosto decote

O próprio decote do vestido faz a diferença. A Elsa de Arandelle usa um decote fechado até o pescoço que sobressai o formato de rosto redondo.

Já a Elsa Rainha do Gelo levou em consideração as recomendações da sua Consultoria de Imagem e Estilo e escolheu um decote amplo, que poderia ser também com gola V ou quadrado. Esse decote deixa todo o conjunto em maior harmonia e as proporções ficam ajustadas.

O resultado é uma Elsa muito mais bonita e empoderada.

Mas não foram apenas essas mudanças, no próximo post vamos falar sobre as cores de Elsa, qual a sua cartela de cores e a combinação de cores relacionada com a sua maquiagem! Espero que tenham gostado e fiquem ligados!

Batons – A Série: Episódio Contraste.

No episódio de estreia de Batons: A Série, vamos falar mais uma vez de Contraste (diferença entre as cores de pele, cabelo e olhos).

Ficou perdida? Não sabe o que é contraste? Clique aqui e leia esse artigo.

O nosso contraste nos revela como podemos usar as cores, independente da sua cartela de coloração pessoal (clique aqui) e do seu subtom de pele (fria, quente ou neutra), o seu contraste, por si só, irá te ajudar a escolher estampas e cores do batom.

Como assim?

Pessoas de alto contraste “aceitam” mais cores destacantes, enquanto pessoas de baixo contraste “se apagam” com cores em destaque.

Vamos ao nosso caso prático com Gisele Bundchen e Anne Hathaway?

Gisele Bundchen

Como vimos no artigo sobre contraste, Gisele Bundchen tem contraste BAIXO, certo? Certo. Agora olhem para as fotos abaixo:

Na maioria das vezes, Gisele aparece com batons em tons claros, nudes e cor de boca. Esses tons são os que harmonizam com o seu contraste. Um tom muito escuro, chamaria mais atenção do que ela e, para ela, esse não é objetivo.

Mas consegui pegar algumas fotos de Gisele com batons em tons mais fortes. Aqui não estamos analisando a temperatura (quente, frio, neutro) das cores, apenas a questão dos contrastes, ok?

Nessa foto, Gisele está com um batom vermelho vivo e está linda. Mas por que ela ficou bem? Por que ela criou um contraste para dar vida e harmonizar com o batom. Ela está com um penteado com os cabelos presos e com efeito molhado, o que escurece o cabelo. Ao “escurecer” os cabelo, ela criou um contraste maior. Fazendo isso, foi possível usar um vestido preto fechado na gola (possivelmente fora da cartela dela) e para combinar com o novo contraste, um batom vermelho.

Ou seja, contraste pede contraste.

Nessa outra foto, para a propaganda de uma nova linha de maquiagem do Boticário, Gisele aparece com batom vinho roxeado. E ficou bom? Sim! Perceba que os cabelos dela estão visivelmente mais escuros, de forma que o contraste está adequado. Se a foto não tivesse sido tratada e Gisele aparecesse com seus cabelos loiríssimos e dourados da cor de sua pele, colocando esse batom escuro, ela sumiria, geraria um incômodo visual.

Nessa ultima foto, temos Gisele no ano 2000. Seus cabelos tinham mais contraste (raiz mais escura e pontas mais claras). Ela aparece com um batom vermelho quente lindíssimo. Nessa época, mesmo ela já tendo mais contraste, a maquiagem do olho com esse gatinho preto, criou ainda mais contraste. Ficou belíssima!

Anne Hathaway

Anne Hathaway tem alto contraste (quando não pinta o cabelo) e, por isso, abusa dos batons mais coloridos (vermelhos, rosas).

Mas isso não quer dizer que ela tem que sempre usar batom colorido. Pessoas de alto contraste também ficam bem com batom nudes, claros e cor de boca. É mais fácil para uma pessoa de alto contraste ficar bem com batons de cores diferentes.

E as de médio contraste?

As de medio contraste devem ser vistas caso a caso. Porém, se você ficou na dúvida, siga as orientações das pessoas de baixo contraste. É mais garantido.

Uma Observação Importante

O objetivo dessa serie de artigos sobre batons é para quem tem dificuldades de usar batons coloridos, por que não se sente confortável ou bonita. É a visão sobre batons, cores e contrastes dentro da Consultoria de Imagem.

Se você usa batom de forma contraria o que está aqui, se sente bonita e confiante. É isso o que vale! Bem-estar e auto-estima sempre!

Espero que tenham gostado!

Se ainda tiverem dúvidas, comentem ou entrem em contato!

E ai, noivinha? Qual o seu branco?

Uma das maiores aflições de quem resolve fazer análise cromática é: “será que vai ter a cor branca (e a cor preta) na minha cartela?”.

De fato existem cartelas que não incluem o branco e preto puros. Mas isso não significa que não existe um branco/preto para chamar de seu!

Hoje vamos apenas falar sobre a cor branca!

Qual a temperatura do seu branco?

Quando realizamos a análise cromática (clique aqui para entender melhor o que é e como é realizada) verificamos qual a temperatura do seu tom de pele, que pode ser:

Quente: mais pigmentos amarelos;

Frio: mais pigmentos azuis;

Neutro: presença de pigmentos amarelos e azuis em proporções similares.

Para cada uma dessas temperaturas da pele (quente, fria e neutra) existe um branco ideal. Para as pessoas de pele fria (como a minha), o branco puro (com fundo azul) fica lindo. Para as pessoas de pele quente, melhor escolher um branco com mais pigmentos amarelos.

IMG_9471

Vamos a um caso prático para entender melhor?

Fernanda Souza

Fernanda Souza possivelmente tem a pele fria (no máximo neutra). Olha como estava linda no dia do seu casamento quando usou um vestido branco puro.

Untitled 1

Está iluminada e o tom da pele dela está perfeito. Quem olha a foto de primeira, observa primeiro o seu rosto, depois olha o vestido e outros detalhes.

É possível que Fernanda tenha uma cartela de Inverno (mas só fazendo uma análise cromática mesmo).

Outra coisa que podemos avaliar também é o cabelo. Olhem esse antes e depois:

Fernanda antes e depois

O cabelo loiro (em tom quente) na Fernanda Souza mexeu com o seu contraste natural e deixou ela apagada. Olha a diferença entre essas duas fotos. O contraste certo com o tom certo, muda a beleza da pessoa.

Preta Gil

Preta Gil tem a pele quente e no seu casamento escolheu um vestido branco puro.

Preta-Gil-casamento

Olha como o tom do vestido pesou no seu rosto. O vestido está chamando mais atenção que ela. Ela está aparecendo um pouco abatida e apagada.

Olha a diferença entre as fotos abaixo e a foto do casamento.

Preta gil linda

Nas fotos acima, Preta Gil aparece iluminada, saudável, seu rosto chama atenção pela a beleza. As cores certas fazem isso por você. Se ela usasse um tom mais quente de vestido de noiva e uma maquiagem um pouquinho mais colorida, o resultado seria diferente

Quanto a cor do cabelo está perfeita. Ela resolveu iluminar os fios em tons loiros quentes (o certo para ela), mas manteve seu contraste natural.

O Tom certo.

O tom certo deve realçar a beleza de quem o veste. Quem deve chamar atenção é a noiva e não o vestido.

Volte nas fotos da Fernanda Souza e da Preta Gil com seus vestidos de noiva. Perceba para onde vai o seu olhar. O que você olhou primeiro (ou por mais tempo) ao observar cada foto?

Cor do Vestido, Cabelos, Acessórios e Decoração da Festa!

O dia do seu casamento é o dia para você brilhar, estar no seu melhor. Afinal, serão tiradas muitas fotos que você vai querer expor e guardar para sempre.

Com a Análise Cromática você pode descobrir qual o melhor tom de branco para o seu vestido, a melhor cor para o seu cabelo, a cor dos acessórios (dourados ou prateados?)  e, também, as cores da festa, por que não?

As flores do buquê e da decoração da festa vão aparecer em muitas fotos junto com você, então melhor escolher cores que te valorizem, que te deixem iluminada, que chamem atenção para a sua beleza, não é mesmo?

E você, noivinha? Já sabe as cores que te valorizam?

Se você já está com casamento marcado e ainda não sabe qual o seu branco? Agende uma Análise Cromática (clique aqui) e vamos descobrir suas cores!

Se você já está com o vestido comprado, não se preocupe, existem técnicas para amenizar os efeitos que uma cor que não é da sua cartela podem ter sobre você.

Fazendo a Análise Cromática, você conhece suas melhores cores e aprende como usar as cores que não estão na sua cartela.